100%

Folclore

Pão-por-Deus
Pão-por-Deus

Tradição quase desaparecida, o Pão-por-Deus é um meio de comunicação romântica, onde as mensagens de amor, amizade e simpatia, são escritas nas mais variadas figuras de papel, em recortes geométricos, transmitindo diferentes pedidos.

Terno-de-reis
Terno-de-reis

Do Natal até 6 de janeiro, quando se comemora o dia dos Reis Magos, costumam aparecer na Palhoça os “Ternos-de-reis”, para reverenciar o nascimento de Jesus. A palavra “Terno” simboliza a existência de três vozes repentistas.

Pau-de-fitas
Pau-de-fitas

É a dança que representa a fertilidade da natureza. Executada em torno de um pequeno mastro representando a árvore, um grupo de quatro a oito casais realizam evoluções utilizando as longas fitas amarradas ao mastro.

Boi-de-mamão
Boi-de-mamão

O Boi-de-mamão é a representação dramática de cenas da vida campestre. Boi, cavalo, cavaleiro, curandeiro, urubu e cantadores são alguns dos personagens representados.

Festa do Divino Espírito Santo
Festa do Divino Espírito Santo

A Festa do Divino Espírito Santo é uma representação da coroação dos imperadores nos tempos do Brasil Império. Nessa época, uma família tradicional da cidade é sorteada para ser a festeira.

Bandeira do Divino
Bandeira do Divino

Nas semanas que antecedem a tradicional Festa do Divino Espírito Santo, um grupo de pessoas percorre a cidade visitando as casas e colhendo ofertas para a festa.